quinta-feira, 19 de dezembro de 2019

Casos de dengue crescem mais de 164% no Maranhão em 2019



O número de casos de dengue aumentou 164,3% no Maranhão em 2019, de acordo com o último boletim epidemiológico do estado. Os registros de zika registraram crescimento de 125% e os de chikungunya 9,30%. As condições climáticas foram apontadas pelo relatório como o principal responsável pela proliferação do Aedes Aegypti na região.

Só na primeira semana de dezembro, de acordo com o Boletim Epidemiológico de Arboviroses, o Maranhão registrou 5.661 casos prováveis para dengue, 761 de chikungunya e 334 de Zika. Os dados são do Sistema de Informação de Agravos de Notificação (Sinan).
Zika e Chikungunya
O vírus da zika, que teve o auge da epidemia em 2015, deixou milhares de crianças com microcefalia, umas das consequências da Síndrome Congênita do Zika Vírus. O número de casos em 2019 não chega nem perto do que foi registrado naquele ano: a estimativa era de até 132 mil casos apenas na Bahia há quatro anos, enquanto em 2019 temos 10,4 mil casos em todo o país.

A chikungunya, doença que chegou a ter mais casos que o zika em 2016, apresentou 123.407 casos neste ano. O estado do Rio de Janeiro também é o campeão, com 83.079 notificações.

Prevenção contra o Aedes Aegypti
Para combater a infestação do mosquito transmissor, além o suporte das autoridades, o cidadão também pode eliminar os focos ao adotar as estratégias de combate ao mosquito. Veja abaixo:

1. Colocar areia nos vasos de planta ao invés de água. Nos que tiverem água, limpar bem com uma escova e sabão, só tirar a água não adianta;

2. não jogar lixo e entulho em locais sem coleta;

3. limpar calhas d'água;

4. não deixar água parada em garrafas, tampas, baldes, bacias, pneus;

5. tampar a caixa d'água;

6. uso de repelentes;

7. colocar água sanitária nos ralos;


MP identifica seis núcleos envolvidos em esquema no gabinete de Flávio

Investigações identificaram núcleos no entorno de Fabrício Queiroz, além de acusado de integrar milícia e familiares de ex-mulher de Jair Bolsonaro

revista veja  

Por Da Redação - Atualizado em 19 dez 2019, 09h08 - Publicado em 19 dez 2019, 08h59


O Ministério Público do Rio de Janeiro identificou seis grupos envolvidos em uma suposta organização que atuava no gabinete do então deputado estadual Flávio Bolsonaro — hoje senador — na Assembleia Legislativa do RJ. O parlamentar é alvo de uma investigação para identificar a prática de “rachadinha”, que consiste na devolução de parte dos salários de funcionários do gabinete para o deputado e seria operada pelo seu ex-assessor Fabrício Queiroz, policial militar aposentado.

De acordo com o Grupo de Atuação Especializada no Combate à Corrupção, o primeiro grupo é formado por Queiroz, sua esposa e duas filhas, além de oito assessores que “mantiveram transações financeiras mais relevantes” com suspeito de ser o pivô do esquema. O MPRJ também afirma que uma assessora chegou a sacar praticamente todos os seus salários para o ex-PM.

As investigações também apontam um núcleo formado por Adriano Magalhães da Nóbrega, suspeito de integrar a milícia conhecida como “Escritório do Crime”, que atua na zona oeste da capital fluminense. Neste grupo, o MPRJ incluiu a esposa de Nóbrega, Danielle Mendonça da Costa, e sua mãe, Raimunda Veras Magalhães. As duas são apontadas como “ex-assessoras fantasmas” que transferiam recursos para Queiroz.

No terceiro grupo, a maioria tem alguma relação de parentesco com Ana Cristina Valle, ex-mulher do presidente Jair Bolsonaro. Este núcleo conta com catorze pessoas, incluindo primos, tios, sua irmã Andrea Siqueira Valle e o pai José Candido Procópio da Silva Valle. Segundo o MPRJ todos são ex-assessores que, embora morassem em Resende na época dos fatos investigados, sacavam os salários recebidos da Alerj e repassavam a outros membros da organização criminosa.

Publicidade

O MPRJ identificou um quarto núcleo, formado pelo sargento da PM Diego Sodré de Castro Ambrósio e sua empresa de vigilância. Segundo as investigações, o policial quitou com recursos próprios um boleto de 16.564,81 reais em nome da mulher de Flávio, Fernanda Antunes Nantes Bolsonaro. Além disso, diz o MPRJ, realizou transferências para outros assessores da Alerj e para a conta de uma loja de chocolates da qual o senador é sócio.

O quinto grupo apontado pelo MPRJ envolve suspeitas de lavagem de dinheiro e Alexandre Ferreira Dias Santini, sócio de Flávio na loja de chocolates, além de sua antiga empresa de comércio exterior e logística.

O sexto e último núcleo é formado, segundo o MPRJ por Glenn Howard Dillard e sua empresa de consultoria imobiliária, “envolvidos em ato de lavagem de dinheiro mediante aquisição subfaturada de imóveis”.

FABRÍCIO QUEIROZ
FLÁVIO BOLSONARO

PRF apreende caminhão com transporte irregular de madeira na BR-010 no MA


Apreensão aconteceu na noite de quarta (18) no km 260, em Imperatriz, e na ocasião os policiais apreenderam aproximadamente 37,17 metros cúbicos de madeira serrada.
Por G1 MA — São Luís


Caminhão foi apreendido e está à disposição do Ibama — Foto: Divulgação/Polícia Rodoviária FederalCaminhão foi apreendido e está à disposição do Ibama — Foto: Divulgação/Polícia Rodoviária Federal
Caminhão foi apreendido e está à disposição do Ibama — Foto: Divulgação/Polícia Rodoviária Federal


A Polícia Rodoviária Federal (PRF) apreendeu na noite de quarta-feira (18) um caminhão transportando aproximadamente 37,17 metros cúbicos de madeira serrada com documentação irregular que estava trafegando no km 260 da BR-010 em Imperatriz, a 626 km de São Luís.

Segundo a PRF, ao ser exigida a Declaração de Colheita e Corte (DCC), o condutor apresentou uma cópia do documento que consta dados inexistentes da responsável técnica.

Diante das informações obtidas foi constatada, a princípio, o crime de transportar, adquirir, vender, madeira, lenha, carvão sem licença válida. Foi lavrado o Termo Circunstanciado de Ocorrência, mediante o compromisso do acusado de comparecimento posterior ao Órgão Judiciário competente.


De acordo com os policiais rodoviários, o caminhão foi apreendido e está à disposição do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama).



domingo, 27 de outubro de 2019

Consumidora relata petróleo em caranguejo em São Luís






Uma consumidora de São Luís relatou ter encontrado petróleo dentro de um caranguejo consumido na orla da capital maranhense.

A ilha foi uma das áreas recentemente atingidas por um vazamento de óleo que tocou praias em todo o Nordeste

Nas redes sociais, a usuária identificada como @rosannaraquel afirmou que, após o contato com a mancha preta, mesmo lavando a mão várias vezes ainda ficou com marcas escuras.

Publicado em 26 de outubro de 2019 por gilbertoleda

sexta-feira, 25 de outubro de 2019

Marcos Valério cita Lula como mandantes da morte de Celso Daniel


Veja.com

No fim da década de 90, o empresário Marcos Valério Fernandes de Souza começou a construir uma carreira que transformaria radicalmente sua vida e a de muitos políticos brasileiros nas duas décadas seguintes. Ele aprimorou um método que permitia a governantes desviar recursos públicos para alimentar caixas eleitorais sem deixar rastros muito visíveis.

Ao assumir a Presidência da República, em 2003, o PT assumiu a patente do esquema. Propina, pagamentos e recebimentos ilegais, gastos secretos e até despesas pessoais do ex-presidente Lula — tudo passava pela mão e pelo caixa do empresário. Durante anos, o partido subornou parlamentares no Congresso com dinheiro subtraído do Banco do Brasil, o que deu origem ao escândalo que ficou conhecido como mensalão e levou catorze figurões para a cadeia, incluindo o próprio Marcos Valério.

Desde então, o empresário é um espectro que, a cada aparição, provoca calafrios nos petistas. Em 2012, quando o Supremo Tribunal Federal (STF) já o condenara como operador do mensalão, Valério emitiu os primeiros sinais de que estaria disposto a contar segredos que podiam comprometer gente graúda do partido em crimes muito mais graves. Prometia revelar, por exemplo, o suposto envolvimento de Lula com a morte de Celso Daniel, prefeito de Santo André, executado a tiros depois de um misterioso sequestro, em 2002.


Na época, as autoridades desconfiaram que a história era uma manobra diversionista. Mesmo depois, o empresário pouco acrescentou ao que já se sabia sobre o caso. Recentemente, no entanto, Valério resolveu contar tudo o que viu, ouviu e fez durante uma ação deflagrada para blindar Lula e o PT das investigações sobre o assassinato de Celso Daniel.

Em um depoimento ao Ministério Público de São Paulo, prestado no Departamento de Investigação de Homicídios de Minas Gerais, a que VEJA teve acesso, o operador do mensalão declarou que Lula e outros petistas graduados foram chantageados por um empresário de Santo André que ameaçava implicá-los na morte de Celso Daniel. Mais: disse ter ouvido desse empresário que o ex-presidente foi o mandante do assassinato. Até hoje, a morte do prefeito é vista como um crime comum, sem motivação política, conforme conclusão da Polícia Civil.

Apesar disso, o promotor Roberto Wider Filho, por considerar graves as informações colhidas, encaminhou o depoimento de Valério ao Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) do Ministério Público, que o anexou a uma investigação sigilosa que está em curso.

Leia mais

13 pontos em praias de São Luís estão impróprios para banho


Análises feitas com as amostras das praias da Ponta d’Areia, São Marcos, Calhau, Olho d’Água e Araçagy apontam que elas possuem pontos poluídos. Confira a lista completa.
Por G1 MA — São Luís

Maioria dos pontos em praias de São Luís estão impróprias ao banhos — Foto: Reprodução/ TV Mirante Maioria dos pontos em praias de São Luís estão impróprias ao banhos Maioria dos pontos em praias de São Luís estão impróprias ao banhos


De acordo com o último laudo de balneabilidade divulgado pela Secretaria de Estado do Meio Ambiente e Recursos Naturais (SEMA), 13 pontos de São Luís e da Região Metropolitana estão impróprios para banho.

O laudo emitido pelo Laboratório de Análises Ambientais (LAA) da SEMA, são emitidos mensalmente e o deste mês aponta que entre os 21 pontos analisados, 8 pontos estão próprios para banho e 13 estão impróprios. A análise foi realizada entre 16 de setembro e 14 de outubro.

Confira os pontos que foram analisados e estão impróprios para banho:
Balneabilidade das praias de São Luís e Região Metropolitana

Localização         Referência         Condição
Praia da Ponta D’ areia  Ao lado do Forte Santo Antonio               Impróprio
Praia da Ponta D’ areia  Atrás do Hotel Praia Mar             Impróprio
Praia da Ponta D’ areia  Atrás do Bar do Dodô    Impróprio
Praia da Ponta D’ areia  Em frente a Praça de Apoio ao Banhista               Impróprio
Praia da Ponta D’ areia  Em frente ao Edifício Herbene Regadas               Impróprio
Praia da Ponta D’ areia  Em frente ao Hotel Brisa Mar    Impróprio
Praia de São Marcos      Em frente aos Bares Do Chef e Marlene’s           Próprio
Praia de São Marcos      Em frente a Barraca da Marcela               Próprio
Praia de São Marcos      Em frente ao Agrupamento Batalhão do Mar    Impróprio
Praia de São Marcos      Em frente ao IPEM e ao Bar Kalamazoo                Impróprio
Praia de São Marcos      Foz do Rio Calhau            Impróprio
Praia do Calhau À direita da elevatória II da CAEMA        Impróprio
Praia do Calhau Em frente a Pousada Tambaú   Próprio
Praia do Calhau Em frente ao Bar Malibu              Impróprio
Praia do Olho d’Água     A direita da Elevatória Pimenta I              Impróprio
Praia do Olho d’Água     A direita da Elevatória Pimenta I              Impróprio
Praia do Meio   Em frente ao Bar do Capiau        Próprio
Praia do Meio   Em frente ao Bar da Praia            Próprio
Praia do Araçagy              Em frente ao Fatima’s Bar           Próprio
Praia do Araçagy              Em frente ao Bar Novo Point     Próprio
Praia do Araçagy              Em frente ao Bar do Isaac           Próprio
Fonte: Fonte: Secretaria de Estado do Meio Ambiente e Recursos Naturais (SEMA)


                                                                                                                    


quinta-feira, 24 de outubro de 2019

Polícia realiza operação de combate a furto de torres de transmissão de energia no MA




A Polícia Civil do Maranhão realizou nesta quinta-feira (24), em conjunto com a Polícia Civil de Minas e mais cinco estados uma operação de combate a um grupo criminoso suspeito de furtar torres de transmissão de energia dos sistemas de geração de energia do país.

No Maranhão, a polícia cumpriu 19 mandados de busca e apreensão em diversos municípios do interior do estado. No total, foram 31 mandados de busca e apreensão distribuídos ainda nos estados de Minas Gerais, Bahia, Distrito Federal, Alagoas e Piauí. Mais de 150 policiais civis foram mobilizados na ação.

Segundo a polícia, as investigações se iniciaram em Presidente Olegário, em Minas Gerais, quando em meados de março de 2019 indivíduos derrubaram torres de transmissão do sistema de energia nacional que estavam sendo instaladas pela empresa XPTT Brasil Construção de Sistema de Energia Ltda. e após a queda subtraíram centenas de metros de cabos de alumínio condutores de eletricidade, vindo a atrasar a obra de ligação da Usina Hidrelétrica de Belo Monte, no Pará, com o Sistema Nacional de Energia, prejudicando todo o sistema elétrico nacional.

A partir de então a polícia identificou uma rede de suspeitos que estavam furtando uma grande quantidade de cabos e equipamentos através da derrubada de torres de transmissão. Durante as investigações, a polícia conseguiu recuperar quase 300 kg de cabos de alumínio para condução elétrica de alta tensão em uma única diligência.

A ação da Polícia Civil visou, além de coletar mais provas para identificar os envolvidos, prevenir que tais atos continuem a ocorrer em toda a linha de transmissão que liga a Usina Hidrelétrica de Belo Monte, no Pará, e outras ao Sistema Nacional de Energia, uma vez que o risco de apagão em todo o país é iminente com a prática de tais delitos.




O Plenário do Senado conclui, a aprovação da reforma da Previdência (PEC 6/2019). As novas regras para aposentadorias e pensões para os trabalhadores entram em vigor após promulgação do Congresso Nacional.



“Foi simplesmente a decretação do fim da aposentadoria justa para as próximas gerações.

Houve uma lavagem cerebral e midiática para que se dissesse que esta reforma era boa para o Brasil. Tem gente humilde achando que é verdade. Infelizmente, daqui a alguns anos, quando uma pessoa for requisitar a sua aposentadoria vai ver que esta reforma, que tanto falaram que era boa para o país, na verdade não é”, afirmou o parlamentar.

No funcionalismo público, o texto aprovado afeta 1,4 milhão de servidores na ativa e também os inativos, que passarão a pagar alíquotas maiores para contribuição previdenciária.

Quando a PEC for promulgada, quem entrar no mercado de trabalho terá que completar 65 anos, se homem, e 62 anos, se mulher, para cumprir o requisito de idade mínima para aposentadorias.

“Teremos sim velhos mais pobres e veremos isso daqui a 10 anos. O trabalhador se aposentará com menos 20% dos seus benefícios, a viúva perderá seu poder aquisitivo do dia para noite e os funcionários públicos também sofrerão perdas grandes com a possibilidade de criação de taxas extraordinárias que podem consumir 50% do seu salário”, enfatizou Weverton.

O senador fez ainda uma avaliação da postura do PDT durante todo o processo de análise e votação da reforma.

“Nós deixamos clara a nossa convicção de que a proposta não é boa para o Brasil.  Fizemos o nosso bom combate e não tenho dúvidas de que vamos continuar nessa luta de cabeça erguida.

Espero que, essa Casa, que falou tanto em altivez e em olhar para frente, tenha coragem de enfrentar os bancos, as petroleiras e esse sistema perverso econômico que sempre empobrece e enfraquece os mais fracos”, ressaltou.

Destaque

O texto-base da reforma foi aprovado ontem pelo Senado por 60 votos a 19. Ficou para hoje a análise final dos destaques. O Partidos dos Trabalhadores (PT) apresentou um destaque para evitar que a reforma retirasse do texto constitucional a possibilidade de aposentadoria especial de trabalhadores que exercem atividades com efetiva exposição a agentes nocivos químicos, físicos e biológicos. O destaque foi aprovado pelos parlamentares.

“Essa emenda foi um alento a essa perversa reforma. O senador Paulo Paim (PT-RS) merece todo o reconhecimento por conseguir tocar no coração de muitos aqui que fizeram uma reflexão e deixaram de prejudicar nossos trabalhadores mais vulneráveis, aqueles que exercem funções em níveis altíssimos de periculosidade. Estou aqui para agradecer aos que resistiram e fizeram o bom combate”, declarou Weverton.

A promulgação do texto aprovado da reforma da Previdência ainda não tem data marcada, mas deve ocorrer em novembro.

PMs flagrados em motel



Três policiais militares que deveriam estar fazendo o patrulhamento nas ruas de Belém (PA) foram encontrados dormindo em um motel, na madrugada de quinta-feira. Eles estavam com o carro da corporação estacionado no local quando foram surpreendidos pelos colegas.

Segundo a corregedoria da PM, equipes foram ao local para verificar uma denúncia anônima. Lá, encontraram um sargento, um soldado e uma policial feminina descansando em um dos quartos. Os policiais, que trabalhavam no 24º Batalhão, foram presos em flagrante por abandono de posto de trabalho, dormir em serviço e prevaricação — crime funcional praticado por funcionário público que consiste em retardar, deixar de praticar ou praticar indevidamente ato de ofício, ou praticá-lo contra disposição expressa de lei, para satisfazer interesse ou sentimento pessoal.

Os servidores foram levados para a sede da Corregedoria da Polícia Militar. Os policiais que efetuaram o flagrante também foram citados para testemunhar o fato. Após procedimentos administrativos, eles foram levados para o Centro de Reclusão Coronel Anastácio das Neves, no complexo penitenciário do município de Santa Izabel.

PF desarticula organização acusada de fraudar licitação do Programa Viva Maranhã




A Controladoria-Geral da União (CGU) participa, nesta quinta-feira (24), da deflagração da segunda fase da Operação Arauto. O trabalho, realizado em parceria com a Polícia Federal (PF), busca desarticular organização criminosa responsável por fraudar processo licitatório para contratação de empresa especializada para execução de serviços de apoio técnico ao gerenciamento da implementação e à fiscalização de obras do Programa Viva Maranhão, na capital maranhense São Luís.

O contrato, cujo valor inicial é de aproximadamente R$ 49 milhões, possui aporte de recurso do Programa de Apoio ao Investimento dos Estados e Distrito Federal (Proinveste), do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES). No período de 2013 a 2018, já foram pagos pelo Governo do Estado do Maranhão mais de R$ 112 milhões ao consórcio de empresas beneficiadas que celebraram o contrato junto à Secretaria de Planejamento do Estado.

Operação Arauto

A primeira fase da Operação Arauto teve início a partir de indícios de direcionamento em concorrência pública, em favor de empresa de consultoria que posteriormente viria a assinar contrato com a Secretaria de Planejamento, Orçamento e Tesouro do Estado do Amapá (Seplan/AP). A contratação investigada envolveu a prestação de serviços técnicos de apoio para gestão, monitoramento e avaliação do “Programa Amapá/BNDES: Desenvolvimento Humano, Regional e Integrado (PDRI)”, utilizando-se de recursos oriundos do BNDES.

De acordo com a análise dos materiais apreendidos durante a primeira fase da operação, verificou-se que a quadrilha desviou ao menos R$ 19 milhões do contrato de consultoria no Estado do Amapá. No curso das investigações, detectou-se que os integrantes da quadrilha, por meio de duas empresas de consultoria, previamente ajustadas, firmaram consórcio para participar de certame licitatório de concorrência pública na cidade de São Luís/MA, tendo sido constatado que funcionários das empresas investigadas atuaram diretamente na elaboração do edital da licitação.

Estão sendo cumpridos quatro mandados de prisão temporária e cinco mandados de busca e apreensão, nas cidades de Porto Velho/RO, Curitiba/PR e São Luís/MA, bem como sequestro de bens e valores na ordem aproximada de R$ 112 milhões.

Os investigados responderão, na medida de suas responsabilidades, pelos crimes de associação criminosa, fraude em licitação e peculato.

As informações são da CGU/






Maioria dos juízes do MA a favor de jornada de 8h às 14h nos tribunais



O presidente da Associação dos Magistrados do Maranhão (AMMA), juiz Angelo Alencar dos Santos, encaminhou ofício ao presidente do Tribunal de Justiça do Maranhão (TJMA), desembargador José Joaquim Figueiredo dos Anjos, informando do resultado de uma consulta realizada entre membros da categoria sobre o horário de funcionamento do Judiciário.

A pesquisa, online, ocorreu entre os dias 7 e 11 de outubro, e revelou que a maioria dos magistrados maranhenses é a favor de alteração do horário de expediente dos tribunais, para funcionamento das 8h às 14h.

O debate sobre o expediente dos tribunais estende-se há oito anos – desde maio de 2011 -, quando a Associação os Magistrados Brasileiros propôs Ação Direta de Inconstitucionalidade (ADI) contra dispositivos da Resolução 88/2009, do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), que trata do assunto (saiba mais).

A norma determina o expediente dos órgãos jurisdicionais para atendimento ao público de segunda a sexta-feira, das 9h às 18h, no mínimo. Prevê ainda que, no caso de insuficiência de recursos humanos ou de necessidade de respeito a costumes locais, deve ser adotada a jornada de oito horas diárias, em dois turnos, com intervalo para o almoço.

Segundo o ofício da AMMA ao TJMA, no caso do Maranhão, 178 magistrados responderam ao quesito sobre o horário de expediente, sendo que a maioria (159) optou pelo funcionamento das 8h às 14h. Outros 11 magistrados optaram pelo funcionamento das 8h às 15h; quatro magistrados preferem das 13h às 19h; três querem que seja mantido o mesmo horário atual e apenas um optou pelo funcionamento das 12h às 19h
.Publicado  por gilbertoleda

quarta-feira, 23 de outubro de 2019

Weverton defende ministro de Bolsonaro acusado de lançar laranjas no PSL


Publicado em 23 de outubro de 2019 por gilbertoleda

O senador Weverton (PDT-MA) saiu em defesa do ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio, durante audiência pública da Comissão de Fiscalização e Controle (CTFC) do Senado.

O auxiliar do presidente Jair Bolsonaro (PSL) foi convocado para explicar denúncias de que candidatas do PSL em Minas Gerais teriam sido coagidas a devolver ao partido recursos de campanha oriundos do fundo partidário. Elas teriam concorrido apenas para cumprir a lei que destina 30% do dinheiro a candidaturas femininas.

Durante sua intervenção, afirmou que o ministro do Turismo está sendo massacrado há nove meses: “um sangramento desproporcional, quando todos sabem que é preciso melhorar a legislação”. Segundo Weverton, em todas as eleições, os partidos recebem notificação da Justiça Eleitoral para que incluam mulheres nas chapas, e aí começa o desespero para achar candidatas.

— Esse é um problema que não foi o Marcelo Álvaro quem criou, nem o João, nem a Maria. Precisamos que as mulheres participem efetivamente da política. Enquanto isso não acontece, o que precisa ficar claro aqui é se houve dolo na conduta. Ele roubou dinheiro do fundo para se enriquecer? Eu sei que não, porque o conheço.

Para Weverton, se houve erro na montagem da chapa, isso precisa ser discutido na política.

— Hoje foi com o PSL, amanhã pode ser com qualquer outro partido.


sexta-feira, 2 de agosto de 2019

Que Rei Sou Eu?

Que país é esse? 


Sinopse              
1786. Três anos antes da Revolução Francesa, uma trama de capa e espada exibe um filho bastardo do rei, Jean-Pierre, legítimo herdeiro do trono de Avilan. O rapaz vive com o povo, longe do castelo e desconhecido dos nobres. Avilan é um reino corroído pelas injustiças sociais, cuja população miserável vive às voltas com governantes corruptos, sucessivos planos econômicos, moeda desvalorizada e altos impostos.

Com a morte do Rei Petrus II, os conselheiros reais, que dominam a histérica Rainha Valentine, coroam um falso príncipe, o mendigo Pichot. A armação é obra do temido bruxo Ravengar, que exerce forte influência sobre o reino. O bruxo manipula o novo rei, seu pupilo, em benefício próprio. Revoltado, Jean-Pierre lidera um grupo de revolucionários para derrubar os vilões. Em meio aos conflitos, a Princesa Juliette se apaixona por Pichot.

O herói Jean-Pierre é um rapaz corajoso e íntegro que tem como principais parceiros de luta o amigo Corcoran, que se infiltra na corte como bufão e arrebata o coração da devassa Rainha Valentine, e a jovem Aline, que espiona seus inimigos disfarçada de criada do castelo. Aline ama Jean-Pierre, mas ele é também disputado pela nobre Suzanne, a bela e infeliz esposa do perigoso conselheiro Vanoli Berval.

Suzanne viu-se obrigada a se casar com Vanoli para saldar uma dívida de seu pai, um fazendeiro falido. Inconformada, ela enfrenta o casamento com um homem asqueroso a quem detesta. Para fugir de suas obrigações matrimoniais, engana o marido colocando uma prostituta mascarada para dormir com ele. Porém, Suzanne viverá dias de terror quando o conselheiro descobrir que dormia com uma rameira e que sua mulher o traía.

Poderoso, o nobre Vanoli é o principal conselheiro do reino, uma espécie de primeiro-ministro. Os outros são Gaston Marny, conselheiro das Armas; Bidet Lambert, conselheiro dos Mares (em um reino que não faz fronteira com o mar); Crespy Aubriet, conselheiro do Trabalho; Gerard Laugier, conselheiro da Alimentação; e Bergeron Bouchet, conselheiro da Moeda, o único sério e não-corrupto, por isso, boicotado pelos outros.

Considerado uma pedra no sapato para os interesses dos conselheiros, Bergeron sofre um atentado e é dado como morto. Na realidade, desmemoriado, ele foi acolhido pelos irmãos Michel e Charlotte e passou a conviver com o povo. Aos poucos, Bergeron vai recobrando a memória e se une a Jean-Pierre e os rebeldes para lutar contra as injustiças dos nobres de Avilan. E rever sua amada mulher Madeleine, que pensa que ele morreu.

sexta-feira, 5 de julho de 2019

Soldado do exército e comparsas são, presos com carro clonado em alto alegre do Maranhão





Um soldado, do 25º Batalhão de Caçadores (25º BC) de Teresina,  na companhia 3 pessoas   foram conduzidos  a  delegacia  de polícia de Bacabal  , por uma guarnição  da polícia militar da cidade  de alto alegre   do maranhão   comandada pelo sargento j costa  .  Eles são suspeitos   de abastecer os portos   de drogas da cidade de alto alegre do maranhão.
 O soldado Pedro Henrique   estava conduzido um carro roubado, com uma placa do governo federal   , o soldado estava na companhia de 3 pessoas , Marcus Victor  dos Santos Mourão    de Teresina , Johnes    furtado da cidade de Alto alegre  do Maranhão  ,   já na delegacia  o soldado falou   que teria comprado o carro .


quinta-feira, 4 de julho de 2019

Veja vídeo: Prefeitura de Bacabal realiza o sonho de 500 famílias



As 500 unidades habitacionais foram construídas pelo programa Minha Casa Minha Vida. Os contemplados receberão as chaves em solenidade que vai ser realizada nesta sexta-feira (5)às 9h da manhã no próprio residencial, localizado na Estrada da Bela Vista.
A entrega das chaves das casas vai ser coordenada pela Caixa e pela Prefeitura de Bacabal, através da secretaria de Assistência Social. Estarão presentes em Bacabal a Superintendente Regional da Caixa no Maranhão – Silvia Leandra Pelloso,  Marcos Augusto Soares Brandão – Gerente Regional de Governo da Caixa, Lucenita Correia Pereira – Gerente Regional de Construção Civil da Caixa e Laureno Mendes Pereira – Gerente de Filial de habitação da Caixa.
O projeto das moradias foi idealizado e construído na administração do prefeito Raimundo Lisboa, dentro do Programa Minha Casa Minha Vida.  Questões burocráticas impediram a entrega das casas para a comunidade bacabalense.  Quando Edvan Brandão assumiu a prefeitura de Bacabal, uma das suas primeiras ações ao lado do senador Joao   Alberto, deputado federal Joao Marcelo, e deputado estadual Roberto costa foi contactar com a direção da Caixa e dar andamento ao processo para realizar o sonho do povo carente.


quarta-feira, 19 de junho de 2019

Dois senadores maranhenses votam a favor e um contra decretos de armas de Bolsonaro


Após decisão de 47 a 28 no Senado, texto segue agora para apreciação da Câmara dos Deputados.
Por G1 Maranhão

A senadora Eliziane Gama (Cidadania) e o senador Weverton Rocha (PDT) foram dois dos 47 votos que aprovaram, nessa terça-feira (18), no Senado o parecer da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) que pede a suspensão dos decretos do presidente Jair Bolsonaro que facilitaram o porte de armas. O outro senador maranhense, Roberto Rocha (PSDB), votou favorável ao governo federal. A votação terminou 47 a 28.

> Veja como cada senador votou

Pelas redes sociais, Eliziane Gama disse que "a sensatez venceu e o decreto das armas foi derrotado pelo Senado. O Congresso deu o seu recado ao presidente. A função do governo é conter a violência, apaziguar o país e não estimular o ódio. A segurança pública é dever do estado".

Já Roberto Rocha foi sucinto. Divulgou uma imagem sua acompanhada de um texto curto: "Sim ao Decreto de Armas".

Por outro lado, o senador Weverton Rocha não se manifestou após a votação.

Enquanto isso, o presidente Jair Bolsonaro, também por meio de uma rede social, disse que "por 47 a 28, o Senado derrota nosso Decreto sobre CACs e Posse de Armas de Fogo. Esperamos que a Câmara não siga o Senado, mantendo a validade do nosso Decreto, respeitando o Referendo de 2005 e o legítimo direito à defesa."

O texto agora segue para a Câmara dos Deputados. As regras previstas nos decretos continuarão valendo até que a Câmara vote o tema e, eventualmente, aprove a suspensão dos decretos. O direito ao porte é a autorização para transportar a arma fora de casa. É diferente da posse, que só permite manter a arma dentro de casa.


terça-feira, 18 de junho de 2019

Veja vídeo: Polícia prende suspeito de ser mandante do assassinato de Luyan



Investigadores da polícia   civil    da cidade   de   Bacabal comprido o mandado de prisão, prenderam, na tarde de segunda feira (17 ) Carlinho bolota   suspeito  ser  mandante , da morte  de luyan .
Corpo de Luyan foi encontrado em uma área de brejo, por trás da rua do sol, bairro Setúbal.


Um local de difícil acesso, devido a área de vegetação densa, o que dificultou o trabalho de resgate do corpo, que estava quase que enterrado na lama. Estiveram na ocorrência a Polícia Militar e o Corpo de Bombeiros de Bacabal,

segunda-feira, 17 de junho de 2019

Polícia prende suspeito de ser mandante do assassinato de Luyan


Investigadores da polícia   civil    da cidade   de   Bacabal comprido o mandado de prisão, prenderam, na tarde de segunda feira (17 ) Carlinho bolota   suspeito  ser  mandante , da morte  de luyan .
Corpo de Luyan foi encontrado em uma área de brejo, por trás da rua do sol, bairro Setúbal.
Um local de difícil acesso, devido a área de vegetação densa, o que dificultou o trabalho de resgate do corpo, que estava quase que enterrado na lama. Estiveram na ocorrência a Polícia Militar e o Corpo de Bombeiros de Bacabal,

Mais detalhes você terá no programa Bandeira 2 (TV Difusora) que vai ao ar nesta terça-feira (18 ), a partir das 6h45.

Homem traído faz boletim de ocorrência contra mulher por não aguentar mais “tomar chifre”


De acordo com o B.O., o homem teria presenciado várias traições da companheira
Um homem registrou um boletim de ocorrência em uma delegacia do município de Cárceres, a 220 km de Cuiabá, no entanto, o motivo foi inusitado. Segundo o documento narrado e assinado pelo denunciante, ele não aguentava  mais “tomar chifre” da mulher. De acordo com o B.O., o homem teria presenciado várias traições da companheira, inclusive teria a encontrado na cama com amantes. O denunciante ainda contou à Polícia Civil que danificou a bicicleta da mulher para que ela não se encontrasse com outros homens.



““(…) o comunicante [marido] não aguenta mais tomar chifre na cabeça e ver sua morena (…) com outros homens na rua e por isso veio até a delegacia para registrar o boletim de ocorrência contra a morena (…) que o comunicante assume que é corno dos grandes (…); que acrescenta que o chifre esta doendo na cabeça”, diz parte do documento.

Segundo o G1, como foram usadas palavras consideradas grosseiras e pela forma que a história foi narrada, o denunciante será chamado para depoimento na delegacia de Cárceres. O documento foi classificado como ‘natureza atípica’, então não irá gerar procedimento policial.




Suspeito de ser mandante de chacina em Coelho Neto é transferido para São Luís




Antônio Carlos Sobral da Rocha foi preso no município de Vitória do Mearim enquanto tentava fugir para Imperatriz. De acordo com a polícia, ele responde por outros sete homicídios.
Por G1 MA — São Luís, MA


O suspeito de ser o mandante da chacina que resultou na morte de quatro pessoas em Coelho Neto, foi transferido para São Luís nesta segunda-feira (17). Antônio Carlos Sobral da Rocha, o ‘Didoca’, foi preso enquanto tentava fugir do município de Vitória do Mearim para Imperatriz, no sul do estado.

De acordo com o delegado Jorge Pacheco, o suspeito foi localizado após a Polícia Civil receber uma informação de que ele estava fugindo para Imperatriz. Uma barreira policial foi montada entre os municípios de Vitória do Mearim e Santa Inês, e após algumas abordagens, ele foi reconhecido e preso pela polícia.

Antônio Carlos Sobral da Rocha, o ‘Didoca’, foi preso enquanto tentava fugir para Imperatriz Segundo o delegado Armando Pacheco, superintendente da Polícia Civil do Interior, o crime foi cometido por vingança e estaria sendo planejada há anos. As investigações apontam que membros da família rival e que foi vítima da chacina, teriam assassinado um membro da família de Antônio Carlos Sobral.

“Teria sido um suposto homicídio que a família rival, que foram as vítimas de Coelho Neto, teriam praticado contra a família dele. Por conta disso, ele vinha planejando há anos essa vingança, já tentou por duas vezes contra a vida desses familiares, até conseguir assassinar eles na cidade de Coelho Neto”, explicou.


Carro onde estavam as vítimas em Coelho Neto (MA) foi atingido por vários disparos 
Ainda segundo Armando Pacheco, o suspeito responde a outros sete homicídios, tráfico de drogas e porte ilegal de arma. A suspeita é de que a ficha criminal de Antônio Carlos seja mais extensa e que ele esteja envolvido em crimes que ainda não foram solucionados pela polícia.

“Ele é muito perigoso, responde a sete homicídios, tráfico de drogas, a porte ilegal de arma de uso restrito, era o líder da organização criminosa de ciganos que ele comanda e que vinha perpetuando diversos crimes no interior do estado (…) existem outros crimes nas regionais de Caxias, Itapecuru, Viana que ainda não foram solucionados e que talvez haja envolvimento dele”, disse.

Após ter sido apresentado a sede da Polícia Civil em São Luís, o suspeito foi encaminhado ao Complexo Penitenciário de Pedrinhas onde permanece à disposição da Justiça. As investigações sobre o crime ainda estão em andamento, já que os suspeitos de terem disparado contra as vítimas ainda não foram presos.



‘Mais Médicos’: Flávio Dino quer cubanos de volta ao Maranhão


O governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB), confirmou à Folha de S. Paulo, neste fim de semana, que o chamado “Consórcio do Nordeste” – figura jurídica que une os governos da região – formalizou uma consulta à Organização Pan-Americana da Saúde (Opas) para retomar o programa “Mais Médicos”, nos moldes do estabelecido no governo Dilma Rousseff (PT), na região.

A Opas é a entidade responsável pela exportação de profissionais de saúde, a maioria cubanos.

A informação é da coluna Painel.

“A ideia é retomar um contrato regional com a organização. A Opas rescindiu o acordo com o Brasil e anunciou a retirada de médicos do programa, a maioria cubanos, logo após a vitória de Jair Bolsonaro”, destaca a publicação.


Vaticano cogita permitir que homens casados se tornem padres na Amazônia


Possibilidade deve ser aberta preferencialmente para indígenas. Hoje, homens podem exercer a função de diáconos.


Vaticano cogita sacerdotes casados na Amazônia
O Vaticano emitiu, nesta segunda-feira (17), um documento que recomenda à Igreja Católica que considere ordenar homens mais velhos, casados e que tenham famílias constituídas, como padres em regiões remotas da Amazônia. A medida se aplicaria àqueles que tiverem, de preferência, ascendência indígena.

O documento também pede que seja identificado algum tipo de ministério oficial que possa ser conferido às mulheres.

Segundo agências internacionais, o documento é a menção mais direta em um documento do Vaticano à possibilidade de que homens casados possam ser padres. Hoje, eles podem exercer a função de diáconos — o diaconato é um dos ministérios da Igreja.

"Afirmando que o celibato é uma dádiva para a Igreja, pede-se que, para as áreas mais remotas da região, se estude a possibilidade da ordenação sacerdotal de pessoas idosas, de preferência indígenas, respeitadas e reconhecidas por sua comunidade, mesmo que já tenham uma família constituída e estável, com a finalidade de assegurar os Sacramentos que acompanhem e sustentem a vida cristã", diz o documento.
O Papa Francisco afirmou, em entrevista ao jornal alemão "Die Zeit" há cerca de dois anos, que era preciso "refletir" sobre a possibilidade de ordenar os chamados "Viri probati", expressão em latim para "homens provados" que se refere a homens maduros envolvidos na Igreja e casados.

"Também teríamos que definir que tarefas eles poderiam desempenhar, por exemplo, em comunidades remotas", afirmou Francisco.


Polícia apreende carga de cigarros contrabandeados durante operação em Raposa




Caxias com o produto foram apreendidas no domingo (16) após uma denúncia anônima. Segundo a polícia, duas pessoas foram presas.
Por G1 MA — São Luís, MA

Uma carga de cigarro contrabandeada foi apreendida na manhã deste domingo (16), no bairro Vila Marisol no município de Raposa, localizado a 30 km de São Luís. Luciano Pereira Freitas, de 33 anos e Derivan Castro Costa, de 23 anos foram presos durante a operação.

De acordo com a Polícia Militar, a carga foi descoberta após uma denúncia anônima. As caixas com os cigarros estavam cobertos por uma lona preta e escondidos sob a vegetação em uma praia no litoral da Raposa.

Segundo o Coronel Bayma, do Centro Integrado de Operações de Segurança (CIOPS), por conta da dificuldade acesso no local onde a carga foi encontrada, três embarcações devem trazer os produtos até o Cais da Raposa. Ainda não há informações sobre a quantidade de cigarros apreendidos e como a carga chegou até o município.

Suspeito foi preso em flagrante pela polícia durante a operação no município de Raposa (MA) — Foto: Divulgação/Polícia Militar do Maranhão Suspeito foi preso em flagrante pela polícia durante a operação no município de Raposa (MA) — Foto: Divulgação/Polícia Militar do Maranhão
Suspeito foi preso em flagrante pela polícia durante a operação no município de Raposa (MA) — Foto: Divulgação/Polícia Militar do Maranhão

Segundo caso em um mês
Esta é a segunda apreensão de cigarros ilegais em menos de 30 dias no município de Raposa. Em 30 de maio, uma embarcação com 19 toneladas de cigarros, foi encontrada à deriva por pescadores próximo a praia do Mangue Seco, no litoral de Raposa, na Região Metropolitana de São Luís. A carga que tinha origem suíça, teria vindo do estado do Pará.

Parte da carga de cigarros ilegais retiradas do barco e reunidas na Praia do Mangue Seco, em Raposa — Foto: Divulgação/Polícia Civil Parte da carga de cigarros ilegais retiradas do barco e reunidas na Praia do Mangue Seco, em Raposa — Foto: Divulgação/Polícia Civil
Parte da carga de cigarros ilegais retiradas do barco e reunidas na Praia do Mangue Seco, em Raposa — Foto: Divulgação/Polícia Civil



quarta-feira, 8 de maio de 2019

Veja vídeo: Escolas municipais em Bacabal são reformadas depois de 30 anos


A prefeitura de Bacabal entregou na segunda-feira, 6, mais quatro escolas que passaram por uma ampla reforma e algumas tiveram seus espaços ampliados. O prefeito Edvan Brandão e comitiva formada pela vice-prefeita Graciete Lisboa, secretários municipais e vereadores, iniciaram as inaugurações pela Unidade de Ensino Fundamental Teresinha de Jesus Fernandes, situada no bairro Santos Dumont.

A escola tem como gestora a professora Maria Salete, e este ano, 273 alunos estão matriculados na unidade de ensino. A solenidade contou com uma apresentação musical de flauta e um solo cantado pelo aluno Samuel, que emocionou a todos.

“É motivo de orgulho estar na administração desta escola. Estou muito feliz com essa reforma porque já se passaram trinta anos desde a fundação e ela nunca tinha recebido uma reforma como essa,” destacou a diretora da U.E.F Teresinha de Jesus.

Em seguida foi a vez da Unidade de Ensino Fundamental Frei Solano ser entregue a comunidade com uma estrutura moderna e totalmente reformada. Esta escola foi fundada em 1986 e atende hoje a 300 alunos da Vila Jurandir Lago e bairros adjacentes. Na oportunidade, foi feita uma menção honrosa para o aluno José Victor Rodrigues, pelo destaque obtido na última edição da Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas (OBMEP).
Para o gestor da escola, Edayak Sousa, que mora na comunidade e já foi aluno da instituição de ensino, o momento é emblemático em razão também das condições precárias que a escola se encontrava. “A escola estava precisando demais. Outras gestões passaram, mas foi o prefeito Edvan que realizou a tão esperada reforma”.
Outra escola que foi entregue para a comunidade, foi a Unidade de Ensino Fundamental Sagrada Família, localizada na Rua Rui Barbosa, Centro, e é mais um exemplo da dedicação e esforço da atual gestão em oferecer um ambiente adequado para a prática educacional.
“A educação é a base de um futuro melhor para nossa sociedade. E pensando assim, o nosso prefeito não mediu esforços, para entregar escolas com estrutura digna. Parabéns a administração Edvan Brandão, que verdadeiramente nos deixa orgulhosos de sermos cidadãos bacabalenses,” disse o secretário Adjunto de Educação, Jerry Ibiapina.
Por fim, foi a vez da Unidade de Ensino Fundamental Nadir Abreu, localizada na Vila Coelho Dias, que foi fundada 1998 e recebeu este nome em homenagem a professora Nadir Abreu, Natural de São Luís Gonzaga e que, no ano de 1985 – com apenas 24 anos de idade, foi a primeira secretária de Educação de Bacabal. Ao discursar, a gestora da escola mencionou a ansiedade dos pais pela entrega da obra. Sensação que foi compensada pela qualidade do serviço.
“Há trinta anos que essa escola não passa por uma reforma. Depois que o prefeito Edvan Brandão assumiu a prefeitura, temos visto um vínculo muito forte com a educação. Hoje temos uma nova escola! Ganhamos duas novas salas de aula, um novo auditório, sala para os professores, para coordenação pedagógica, uma nova secretaria e onze salas de aulas. Prova disso, é que temos matriculados, 1002 alunos para este ano letivo,” ressaltou Antônia Oliveira, gestora d U.E.F Nadir Abreu.
Para o secretário de Educação, professor Marcos Ferreira, o progresso na educação do município, é fruto do interesse do prefeito Edvan Brandão em honrar com os compromissos de promover uma educação de qualidade e também pela dedicação de cada colaborador que trabalha na rede da secretaria municipal de Educação.
O prefeito Edvan Brandão, que foi recebido com muito entusiasmo em cada escola que reinaugurou, disse que “é desta forma que irei continuar dando a resposta: com muito trabalho.”
Ele também aproveitou a ocasião, para reforçar que as reinaugurações fazem parte do cronograma de obras do centenário da cidade e que sua meta é que até o dia 17 de Abril de 2020, mais de cem obras sejam entregues. Edvan, aproveitou também para lembrar que em breve nossa cidade irá receber a tão esperada pavimentação asfáltica.



sexta-feira, 26 de abril de 2019

Veja vídeo : Nego júnior pede desculpas para o repórter Ray lima


 No dia 24 /04/2019 aconteceu no juizado especial cível e criminal da comarca de Bacabal, a audiência de instrução e julgamento, denunciante ministério público estadual, denunciado Joao Hilton ribeiro da silva júnior, vítima Raimundo liam Sousa.
O fato ocorreu no dia 5 de abril de 2017 quando fui   vítima de quatro indivíduos, alguns com passagem pela polícia, que covardemente me agrediram com xingamentos, empurrões e um forte soco na cabeça, todos trabalhavam   de segurança do vereador Cesar brito.
Na audiência de instrução e julgamento o denunciado, pede    mais uma oportunidade     na vida, fechamos um acordo ele gravaria um vídeo com pedido de desculpa, foi uma forma   de evitar uma condenação do denunciado.
"Para todo erro existe um perdão.
DEUS está sempre pronto para aceitar suas desculpas e seus arrependimentos, desde que, pegues o perdão que ele te deu e não tropeces mais nas mesmas pedras que te fizeram Cair."

Blog do Sérgio Matias

5 de abril de 2017 ·
REPÓRTER E APRESENTADOR RAY LIMA É AGREDIDO POR SEGURANÇAS PARTICULARES DE VEREADOR, EM BACABAL.
O repórter e apresentador Ray Lima, da TV Nova Esperança (Record), foi vítima de quatro indivíduos, alguns com passagem pela polícia, que covardemente o agrediram com xingamentos, empurrões e um forte soco na cabeça.

O ato criminoso ocorreu quando o profissional de imprensa deixava o prédio do poder legislativo após fazer a cobertura jornalística da sessão. Ao titular do blog, Ray Lima relatou que as ameaças e agressões verbais começaram antes mesmo do início da sessão, quando o mesmo adentrou o prédio.

Os quatro indivíduos, conhecidos como 'Júnior Catingueiro', Nêgo Júnior, Antônio José e outro que a vítima desconhece o nome, fazem às vezes de segurança do vereador Cesar   brito 


Noite desta sexta-feira (26) A Polícia militar recaptura fugitivos.


Na noite desta sexta-feira (26) A Polícia   militar    recaptura os fugitivos Antônio da chaga   de oliveira, Kauanderson Araújo da silva ,da fuga da noite de quinta-feira(25) após uma falta de energia elétrica na Unidade Prisional e Ressocialização do Povoado Piratininga em Bacabal-Ma, cerca de 20 detentos conseguiram fugir do presidio. Segundo informações os agentes penitenciários após a falta de energia, colocaram todos os detentos no pátio e começou uma grande confusão e os elementos aproveitaram e fugiram, a polícia militar   já capturou 9 fugitivos.







quinta-feira, 25 de abril de 2019

Bacabal veja vídeo: O delegado Carlos Renato fala do homicídio do Leandro em Bacabal .

O delegado regional   de Bacabal Carlos Renato fala do homicídio do Leandro em Bacabal, crime que aconteceu   na manhã de sábado (13), da Vila Frei Solano, Leandro Gonzáles de Sousa, foi assassinado a tiros e facadas, o crime ocorreu logo após a vítima ter tentado fugir de seus executores por algumas ruas do bairro.




terça-feira, 9 de abril de 2019

Deputado Roberto Costa recebe presidente da Cemar e relata cobranças irregulares nos medidores, em Bacabal




Na última semana, o deputado estadual Roberto Costa (MDB) deu entrada em um requerimento na Assembleia Legislativa, solicitando explicações da Companhia Energética do Maranhão (Cemar) sobre cobranças irregulares por agentes da Companhia, em bairros da cidade de Bacabal. As reclamações que chegaram ao parlamentar relatam que muitos agentes estão indo as residências e aplicando multas aos consumidores, alegando adulteração nos medidores, exigindo que os consumidores assinem termo de multas e reconheçam que há irregularidades nos medidores, sem que haja provas concretas.

O parlamentar ouviu as demandas e solicitou explicações da Cemar através da presença de representantes da Companhia. Na manhã desta terça-feira, (9) o deputado recebeu na Assembleia Legislativa o presidente da Cemar, Augusto Dantas, o diretor de relações institucionais, José Jorge e o gerente jurídico da companhia David Abdala.

Na ocasião, o parlamentar relatou as reclamações dos moradores de Bacabal. "A Cemar acusa o consumidor de gato sem dar a oportunidade de a pessoa se defender. Obrigam a pessoa a reconhecer uma irregularidade inexistente e sem provas e ainda acham que devem assinar uma confissão de dívida. E estipulam o valor da multa sem nenhum parâmetro. Caso a pessoa não assine, cortam a luz. Não estou defendendo o gato, mas sim o direito dos consumidores. Muitas vezes, a empresa diz que é gato, mas o problema está no relógio de medição, instalado por seus funcionários", disse Roberto Costa.

Na oportunidade, o presidente da Cemar afirmou que iria receber todas as reclamações e providenciar uma investigação sobre os casos.

"A Cemar sempre estará disponível ao diálogo e que cumpre fielmente as normas do setor elétrico brasileiro. Iremos analisar os pontos apresentados, o deputado nos dará as demandas específicas, de cada consumidor prejudicado para propormos um conjunto de soluções aos casos que eventualmente as demandarem. Iremos colher todas estas informações e acompanhar de perto para que os consumidores de Bacabal não sejam prejudicados”, disse o presidente.